Pesquisar no Blog
Papo com VET

7 promessas para cuidar melhor do pet em 2019

  • De
  • 17 de dezembro de 2018

Quem costuma fazer promessas de final de ano? Nos aproximamos do término do ano e, além do corre-corre proveniente das festas e confraternizações, é normal que façamos um balanço do ano que está acabando e promessas para o ano que se inicia.

Sabemos que 2018 foi um ano intenso e não poderia ser diferente, mas agora é hora de recomeço! E  para iniciar 2019 com o pé direito, é hora de fazer as promessas de final de ano, para melhorar a qualidade de vida dos nossos pets tão queridos!!!

1- Mais qualidade de vida

Prometer melhorar a qualidade de vida significa proporcionar um ambiente equilibrado, um lar onde o animal encontre amor, dedicação, paciência e carinho como peças-chaves. Para uma vida longa e de qualidade é fundamental a junção entre o bem-estar físico e psicológico do animal.

2- Mais atenção ao pet

A promessa de dedicar mais tempo e atenção ao seu animal deve ser exercida dia a dia e inclui dedicar mais tempo para brincar com ele. Muitas vezes, seu animal só quer a sua presença, afinal ele é um animal de companhia, precisa de mais interação. Tudo o que seu pet precisa para ser mais feliz e emocionalmente equilibrado é de um pouco mais de atenção.

3- Oferecer mais passeios

Para cumprir esta meta, novamente você vai precisar dedicar mais tempo. Se você passeia 3 vezes na semana, sugiro que você construa uma rotina com passeios diários, pois passeios são essenciais para o animal gastar energia e assim reduzir as chances de desenvolver estresse. É durante o passeio que o animal irá aprender a caminhar sem puxar a guia, a socializar e a farejar (sentir e distinguir cheiros).

4- Construir um ambiente criativo

Esta promessa tem como objetivo proporcionar um ambiente mais criativo e interativo para os Pets gastarem energia de uma forma mais saudável. No caso de gatos, já existem jogos e brincadeiras inteligentes, arranhadores, túneis e outros elementos… Já no caso dos cães, você pode oferecer brinquedos inteligentes, ou quem sabe apresentar uma mini pista de Agility ao seu Pet.

5- Cuidar Melhor da Saúde do seu Pet

Para cumprir esta meta basta não esquecer o calendário de saúde do seu animal.  Não descuide das vacinas anuais e da prevenção e eliminação de parasitas internos e externos. Faça check-ups anuais e leve seu pet ao veterinário sempre que observar algo errado. Conheça e observe mais seu cão, para verificar qualquer mudança de comportamento. É importante também não descuidar da higiene quanto a banhos e escovação.

6- Prevenção de acidentes

O sucesso desta meta está diretamente ligada à prevenção de acidentes domésticos. Evite tudo que possa provocar acidentes. Não deixe objetos perfurocortantes como agulhas e facas ao alcance do seu animal; evite também acidentes com corpos estranhos; materiais de limpeza devem ser retirados do alcance dos pets (evitando intoxicações); atenção também na escolha das plantas ornamentais (escolha espécies não tóxicas); telas de segurança devem ser fixadas em sacadas e, no caso de piscinas, estas devem ser cercadas.

7- Não descuidar da alimentação

Não descuidar da alimentação significa proporcionar uma alimentação balanceada, seja ela com rações de boa qualidade ou alimentação natural. O importante é construir uma rotina de alimentação com horários fixos, pois isto ajuda a regular o sistema intestinal e a equilibrar as taxas de glicose no sangue. Outra meta fundamental é cuidar para nunca deixar comida sobrando no prato e não esquecer de trocar a água do reservatório de beber do animal.

Pois bem, com o intuito de tornar a convivência entre você e o pet mais harmoniosa, tente seguir os itens desta lista de promessas, ou melhor, crie a sua própria lista com metas possíveis. E que venha 2019!

*Michelle dos Santos Abreu – médica veterinária formada pela UFRA (Universidade Federal Rural da Amazônia). Atualmente atua e é proprietária da clínica Cães e Cia.

Contatos:
E-mail: misabreu.vet1346@gmail.com
Instagram: Miabreu_vet

Leia também:

Humanização dos animais: como evitar exageros

Terapias naturais podem influenciar a saúde dos pets?

Saiba porquê medicar o pet sem orientação pode ser um risco!

Sem Comentários

Deixe sua resposta